Os mandamentos são a radiografia de Cristo, diz papa Francisco

Na Audiência Geral desta quarta-feira (28), o papa Francisco encerrou as reflexões sobre os Dez Mandamentos. Essa foi a 14ª catequese sobre o tema. Na Sala Paulo VI, o bispo de Roma cumprimentou os fiéis e resumiu o decálogo com uma radiografia de Jesus Cristo. Através dele, podemos ver o Filho de Deus.

Em Jesus, o decálogo deixa de ser uma condenação para ser uma abertura à obra do Senhor. Ao observar a aliança feita nos mandamentos, o papa disse que “Deus não pede nada, antes de ter dado muito mais” e através da sua lei “nos convida à obediência”.

Francisco classifica a gratidão e obediência aos mandamentos como uma vida livre em Deus de fidelidade, generosidade e autenticidade. A vida fiel ao decálogo é uma reconciliação com nossa vida, nos faz adultos, segundo o pontífice.

Para a abertura a essa obediência e fidelidade, precisamos de um coração novo, diz o papa Francisco orienta sobre “desejos novos que nos são semeados pelo Espírito Santo”. Desejar segundo o Espírito é a fonte de bons desejos e nos ensina a viver a alegria de ser amado e a alegria de Deus em nos amar.

Leia as palavras aos fiéis de língua portuguesa:

Dirijo uma cordial saudação aos peregrinos de língua portuguesa aqui presentes. Ao concluir o Ano Litúrgico, somos convidados a ir ao encontro de Jesus, que nos espera em cada dia nos sacramentos, na oração e no próximo, sobretudo nos mais necessitados. Que Deus vos abençoe!

Créditos: Vatican News/Facebook.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s