Olhar Anuncia-me: uma resposta urgente da Igreja aos casos de abuso e pedofilia

O segundo vídeo da parceria entre Olhar Vaticano a Anuncia-me vai direto em um assunto delicado para a Igreja Católica e para os fiéis. Depois de tratar da Jornada Mundial da Juventude no Panamá, o assunto foi outro encontro: A Proteção dos Menores na Igreja.

CONFIRA O VÍDEO OLHAR ANUNCIA-ME

O encontro reuniu 190 participantes entre cardeais, bispos representantes das conferências episcopais de cada país, além de funcionários da Cúria Romana, convidados e o Papa Francisco. Idealizado preparado pelo Sumo Pontífice, o evento aconteceu no Vaticano entre os dias 21 e 24 de fevereiro, com depoimentos, conferências, discussões, celebração penitencial e concluiu com a missa.

De modo geral, o evento teve a cara do Papa Francisco e pode ser considerado um sucesso. Circundado por dúvidas e pelas críticas da ala tradicionalistas da Igreja, o encontro atacou os problemas da mesma forma que o Santo Padre ataca outros problemas na Igreja e com a Cúria Romana: com dureza, seriedade e sem meias-palavras dos graves casos de abuso sexual de menores.

Leia e assista o primeiro Olhar Anuncia-me sobre a Jornada Mundial da Juventude Panamá 2019.

Tolerância Zero
Os cinco cardeais, o arcebispo, as duas leigas especialistas, a superiora religiosa de congregação feminina, o moderador do encontro e o Papa Francisco não pouparam suas palavras. Isso sem falar nos depoimentos de cinco fiéis vítimas de abuso.

O passado recente de negligência e acobertamento, a urgência de organismos de investigação, o fato indiscutível da prática criminosa e pecaminosa foram discutidos abertamente nos microfones. Já no primeiro dia, 21 pontos de ação foram entregues a todos os participantes do evento.

O desejo do Papa é que não se tolere nenhum caso em referência a pedofilia na Igreja. No encontro ficou claro que para a sobrevivência da Igreja e o resgate de sua importância na sociedade passa pelo combate à violência contra os menores.

Grande Repercussão
Com grande repercussão mundial nos veículos de comunicação tradicionais, o evento se tornou uma espécie de resposta da Igreja Católica aos casos de pedofilia que ocupam os jornais em todo o mundo. O meios que compõem o Vatican Media são peça fundamental no processo que o encontro quer iniciar. Os meios de comunicação oficiais do Vaticano promoveram uma cobertura extensiva, trataram A proteção dos Menores na Igreja como um evento público.

As transmissões ao vivo, entrevistas e artigos publicados pelos assessores do Vaticano deixam um recado para todos os meios de comunicação católicos: é preciso comunicar sobre as ações contra os abusos de menores e combater com transparência a pedofilia. O site do encontro continuará como um veículo de repercussão das ações tomadas a partir do evento.

Acompanhe o canal Anuncia-me também pelo Instagram e pelo Facebook.

Autor: Thiago Caminada

Jornalista, Mestre em Jornalismo (UFSC). Coordenador do "Olhar Vaticano". Assessor de comunicação, servidor público de carreira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s