Pode me Chamar de Francisco: o Papa e a devoção à Nossa Senhora Desatadora dos Nós

Em meio a neve na Alemanha, Jorge Mario Bergoglio entra em um templo para rezar. O padre argentino estudante de Teologia buscou o refúgio da solidão em Augsburgo na igreja. Assim que entra, algo familiar lhe enche os ouvidos, uma Ave-Maria em espanhol. O jesuíta encontra uma venezuelana invocando a Virgem Desatadora dos Nós. De uma simples conversa entre dois latino-americanos em terras europeias retratada na série nasceu a marcante devoção do Papa Francisco.

Leia Resenha: Pode me Chamar de Francisco, série original Netflix

Maria, a mãe de Jesus, tem uma importância significativa na devoção católica. Alguns papas na história tiveram uma grande relação histórica e espiritual com a virgem de Nazaré. Pio IX reconheceu Maria como Imaculada em 1854. Pio XII proclamou o dogma da Assunção de Maria em 1950. João Paulo II, acredita-se, é parte da profecia de Nossa Senhora de Fátima. Em cada lugar, a presença da devoção mariana recebe um título. No Brasil, nossa padroeira é Nossa Senhora da Conceição Aparecida, na América Latina é Guadalupe. Mas nos últimos tempos, um bispo e cardeal se encarregou de espalhar um devoção muito particular de Maria na Argentina e, depois que se tornou Papa, os nós desatados pela Virgem e Mãe se espalharam pelo mundo.

A devoção à Nossa Senhora Desatadora dos Nós nasceu em 1700 na igreja na Saint Peter em Perlach, Augsburgo, Alemanha, através da imagem pintada por Johann Melchior Schmidtner. Foi onde Francisco conheceu o título de Maria Knotenlöserin (do alemão, removedora de nós) e levou para sua terra os santinhos para distribuir aos seus fiéis. A divulgação da eficácia em desatar os nós da vida por parte de Bergoglio também é retratada na série. Ainda como bispo, Francisco distribui aos fiéis em momentos de dificuldade e às crianças como presente, ensinando-lhes a rezar.

Como bispo auxiliar de Buenos Aires, Bergoglio erigiu um Santuário com a réplica da imagem. Depois como arcebispo, consagrou paróquias e capelas. Nos últimos anos, a devoção se espalhou e diversas igrejas em todo o mundo são construídas e dedicadas à Poderosa Virgem Desatadora dos Nós.

Reze a oração de Nossa Senhora Desatadora dos Nós contida nos santinhos distribuídos pelo Papa Francisco:
Santa Maria, cheia da presença de Deus, durantes os dias de tua vida aceitaste com toda humildade a vontade do Pai, e o maligno nunca foi capaz de enredar-te com suas confusões. Junto ao teu Filho, intercedestes por nossas dificuldades, e com toda sensibilidade e paciência, nos deste o exemplo de como desenredar o novelo de nossas vidas. E ao ficar para sempre como Mãe Nossa pões em ordem deixas mais claros os laços que nos unem ao Senhor. Santa Maria, Mãe de Deus e Nossa, tu que com coração materno desatas os nós que entorpecem nossa vida, te pedimos que nos livres das ataduras e confusões com que nos assedia o que é nosso inimigo. Por tua graça, por tua intercessão, com teu exemplo, livra-nos de todo mal, Senhora Nossa, e desata os nós que impedem que nos unamos a Deus, para que, livres de toda confusão e erro, o encontremos em todas as coisas, tenhamos Ele em nossos corações e possamos servir-te em nossos irmãos.
Amém!


Santa Maria, cheia da presença de Deus, durantes os dias de tua vida aceitaste com toda humildade a vontade do Pai, e o maligno nunca foi capaz de enredar-te com suas confusões. Junto ao teu Filho, intercedestes por nossas dificuldades, e com toda sensibilidade e paciência, nos deste o exemplo de como desenredar o novelo de nossas vidas. E ao ficar para sempre como Mãe Nossa pões em ordem deixas mais claros os laços que nos unem ao Senhor. Santa Maria, Mãe de Deus e Nossa, tu que com coração materno desatas os nós que entorpecem nossa vida, te pedimos que nos livres das ataduras e confusões com que nos assedia o que é nosso inimigo. Por tua graça, por tua intercessão, com teu exemplo, livra-nos de todo mal, Senhora Nossa, e desata os nós que impedem que nos unamos a Deus, para que, livres de toda confusão e erro, o encontremos em todas as coisas, tenhamos Ele em nossos corações e possamos servir-te em nossos irmãos.
Amém!


| INSTAGRAM| FACEBOOK| TWITTER |

Autor: Thiago Caminada

Jornalista, Mestre em Jornalismo (UFSC). Coordenador do "Olhar Vaticano". Assessor de comunicação, servidor público de carreira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s