Igreja aguarda reforma da Cúria e Papa age com cautela

Esperada para o último sábado (29), a publicação da Constituição Apostólica Praedicate Evangelium (Proclamar o Evangelho) ficou para mais tarde. O dia foi marcado pela tradicional e solene liturgia de São Pedro e São Paulo, mas se tornou ‘comum’ para quem esperava a Reforma da Cúria Romana. As últimas notícias são de que o C6, grupo de cardeais responsáveis pela reforma, entregaram a redação final do texto no sábado, após revisões e alterações solicitadas por especialistas.

Enquanto a Igreja espera pela reforma da Cúria, o Papa Francisco age com cautela e sem dar ouvidos aos seus opositores e adversários. Seus passos são curtos, mas firmes e focados na meta da Evangelização. Uma Igreja em saída, como o próprio Pontífice diz.

Em entrevistas exclusivas para o Olhar Vaticano, os bispos dom Wilson Jönck, arcebispo de Florianópolis, e Rafael Biernaski, bispo de Blumenau, traduziram o sentimento dos cardais e bispos de todo o mundo: a Reforma da Cúria vai além da estrutura curial na administração da Igreja e sua necessidade é iminente.

Oposição desarticulada
Enquanto Francisco parece inabalável, seus opositores se desarticulam com o conflito de interesses e a união conservadora parece rompida. Antes mesmo da declaração de Bento XVI em favor da unidade da Igreja e de seu sucessor, o cardeal Raymong Burke rompeu com o ex-guru de Donald Trump, Steve Bannon. O cardeal dos Estados Unidos e cedeu uma casa para a formação de um instituto conservador em plena Cidade Eterna, mas o órgão não se efetivou. Agora, as diferenças entre os dois pesaram e Burke criticou Bannon nos jornais.

Mais um ponto para o Papa Francisco. O Santo Padre vem atualizando e regulamentando os procedimentos contra pedofilia e controlando as operações financeiras do Banco do Vaticano (IOR). Além disso, não se pode arriscar a data para a promulgação de sua reforma, mas ela, além de necessária e urgente, é de inevitável.


| INSTAGRAM| FACEBOOK| TWITTER |

Autor: Thiago Caminada

Jornalista, Mestre em Jornalismo (UFSC). Coordenador do "Olhar Vaticano". Assessor de comunicação, servidor público de carreira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s