A foto mostra o papa Francisco de costas acenando para a multidão na praça.

Mensagem de Páscoa do Papa Francisco: O Senhor da vida não nos encontre frios e indiferentes

Neste Domingo de Páscoa (21), o Papa Francisco presidiu a solene missa da Ressurreição e, em seguida, o Pontífice concedeu aos fiéis na Praça São Pedro e a todo o mundo a tradicional bênção Urbi et Orbi. Comovido e preocupado com a violência e os conflitos ao redor do mundo o Santo Padre falou da sacada da basílica papal: “Perante os inúmeros sofrimentos do nosso tempo, o Senhor da vida não nos encontre frios e indiferentes. Faça de nós construtores de pontes, não de muros”.

A foto mostra o papa Francisco na frente do altar segurando uma vela nas mãos. Ao seu lado estão os cerimoniários e diáconos.

Semana Santa: “A história humana não acaba em uma pedra sepulcral”, diz Francisco na Vigília Pascal

O Papa Francisco presidiu a Vigília Pascal, na Basílica São Pedro, na noite deste Sábado de Aleluia (20). Esta solene liturgia é a principal celebração de toda a Páscoa e considerada a mãe de todas as vigílias. Inicia com a bênção do fogo e Círio Pascal e uma liturgia da palavra de sete leituras do antigo testamento, mais um epístola e o evangelho. Depois seguem a liturgia batismal e eucarística.

A foto mostra o Papa Francisco sentado em uma cadeira vermelha, aos seus pés estão arbustos verdes.

Semana Santa: Uma Via-Sacra do Papa recorda sofrimento de mulheres e refugiados

Na noite desta Sexta-Feira Santa (19), o Papa Francisco presidiu a Solene Via-Sacra no Coliseu, em Roma. Todos os anos uma pessoa ou grupo de pessoas são convidados a compor as motivações das 14 estações da Via Crucis. Em 2019, a escolhida foi a Irmã Eugenia Bonetti, Missionária da Consolata e ativista contra o tráfico humano e dos direitos da mulher.

A foto mostra os cardeais de batina vermelha na basílica na celebração da Paixão. Ao fundo está o frei capuchinho proferindo a homilia. Ao lado está o papa Francisco.

Semana Santa: A Páscoa é a festa de todos os pobres e excluídos

Às três da tarde de Roma, o Papa Francisco presidiu a Celebração da Paixão do Senhor, na Basílica São Pedro, nesta Sexta-Feira Santa (19). A celebração foi marcada pelo característico silêncio. Depois da tradicional narrativa da Paixão, a pregação sobre os sofrimentos de Cristo na cruz foi conduzida pelo Padre Raniero Cantalamessa, Frei Capuchinho pregador pontifício desde 1980.

A foto mostra os ramos verdes segurados pelos fiéis. Ao fundo, o Papa Francisco sentado em frente ao obelisco da praça São Pedro.

Domingo de Ramos: Papa fala da batalha espiritual combatida através do silêncio

A Semana Santa no Vaticano começou na manhã deste do domingo (14) com a celebração de Ramos e da Paixão presidida pelo Papa Francisco, na praça São Pedro. Esta semana é para os cristãos de todo o mundo o ápice das práticas de fé e piedade e neste domingo a liturgia recorda dois momentos: a entrada de Jesus em Jerusalém com a solene procissão e sua crucificação e morte na leitura do Evangelho.

Pode me chamar de Francisco: Arturo Cardelús e a trilha sonora da série

A trilha sonora da série original Netflix Pode me chamar de Francisco é um dos elementos fílmicos de maior qualidade. É quase impossível não se envolver com a abertura da série nas primeiras notas do violino em solo enquanto passam por nossos olhos as imagens reais do papa intercaladas com cenas da trama. Assim como o tema da abertura, Call me Francis, toda a trilha sonora foi composta por Arturo Cardelús e executada pela Budapest Art Orchestra.